Pages

sexta-feira, 3 de junho de 2011

Açaí-Folia e suas peculiaridades

Açailândia – É público e notório que as picaretas, ou seja, os carnavais fora de épocas, realizados durante todo o ano em todo o país, Não tem nada a ver com a festa popular de carnal. A começar pelas músicas que suas letras são verdadeiras afronta a sociedade brasileira, o que diz as letras das músicas de hoje é o que faz a música, a dança se tornar sucesso, não vou nem citar algumas das tais, talvez as letras são desta forma por falta de criatividade de seus compositores ou...... sei lá por que.

Estas festas geralmente são bancados pelos poderes públicos estaduais ou municipais, estes eventos são realizados em grande parte em comemoração ao aniversário de seus respectivos municípios ou não, mas que são bancadas com o dinheiro que sai do nosso bolso.

Açailândia

Em Açailândia este ano acontecerá à oitava edição da festa, o famoso Açaí-Folia que comemora os 30 anos de emancipação politica do município. A primeira edição desta festa aconteceu a cerca de 8 anos, a festa além de ter se tornado uma tradicional picareta na região e no estado é uma festa para os ricos, que diga os camarotes e o abadás com valores altíssimos que nem todas as pessoas podem comprar.

Vale lembrar que a primeira edição teve vários shows para os não evangélicos, tinha também o Açaí-Gospel festa especialmente para os evangélicos do munícipio e que também fazia parte das comemorações do aniversario da cidade de Açailândia, depois de quase 5 anos não é realizado o Açaí-Gospel, mesmo sendo uma festa politiqueira, isso é como se os evangélicos não votassem.

O Açaí-Folia é uma festa realizada para quem tem dinheiro, mesmo toda a festa sendo bancada, ou seja, paga pelo dinheiro que sai do nosso próprio bolso, a festa não deixa de ser uma festa particular e não nada de popular, pois para se brincar é preciso comprar o tal do abadá que aumenta de preço a cada ano. Sem falar que a festa é na realidade um joguete politico e não uma festa para a comunidade. 

Cultura

Açaí-Folia – A quem o diga que a festa é uma atração cultural no município, até a maior festa cultural da cidade, na verdade quem fala ou pensa desta maneira está enganado, por que esta festa não tem nada de cultura, pois sabemos que a cultura de Açailândia já viveu momentos melhores não graças ao poder público que sempre abandou os produtores culturais e os movimentos culturais do município. Assim como festa com som automotivo não é uma festa cultural, picaretas também nunca foi e nunca será, pode até ser um evento cultural, mas para quem também não tem cultura.

Lembro-me das músicas de outro hora, era totalmente diferente das dos dias de hoje, é moderna é, mas perdeu o sentido, basta prestar atenção na letra, na dança sensual que percebemos que não são boas aos ouvidos de nossas crianças, muito menos aos nossos. É essa a cultura que queremos para os nossos filhos? É essa cultura deixada pelos nossos antepassados? Ou será que essa é a cultura moderna?     

Festa rica

O Açaí-Folia é uma festa riquíssima, que o diga as grandes bandas quem vem participar, os trios elétricos, o marketing do evento, e toda produção do evento, o evento do AÇAÍ-FOLIA é na realidade um evento utilizado para lavagem de dinheiro público. A prefeitura faz um investimento muito grande para a realização de tal evento, o valor ultrapassa R$ 2 milhões, valor que aumenta a cada ano.   
  
Festa popular

Só para se ter uma ideia, a festa que antes era realizada pelo próprio município através do departamento de Cultura do Município nunca foi popular, por só agora que é de realização de uma empresa particular que deveria ser? Outra prova disto é toda a publicidade do evento não fala nada de festa CULTURAL OU POPULAR.

O Açaí-Folia e as crianças e adolescentes

É preocupante o grande número de crianças e adolescentes que usam drogas nesse período é preocupante para algumas autoridades e principalmente aos pais, algumas chegam a até mesmo traficar drogas, o número de crianças e adolescentes que são abusadas sexualmente no decorrer da festa, outras são flagradas trabalhando, é cada vez mais comum vermos crianças usando bebidas alcoólicas no período dos 3 dias de festa. 

Esta situação não acontece somente em Açailândia e nem somente no período das festas de carnavais, mas em nosso município a um maior número de casos registrados nesse período, é um aumento absurdo.

A data comemorativa que era para trazer mais alegrias às famílias acaba que muitas vezes trazendo muita tristeza e até mesmo destruindo muitas famílias, além de levar muita preocupação aos pais leva também muitas crianças a perdição, crianças que acabam indo parar no mundo das drogas ou da prostituição.      
  
Calor Cristiano
      

1 comentários:

Fênix27 disse...

É preocupante crianças e adolescentes no mundo,a cada dia mais usuarios,mais tráficos,mais familias desoladas.Os pais em desespero para tirar seus filhos deste maldito vício.
É muito triste para onde vai nossa juventude?
Um grande abraço.
http://wwwavivarcel.blogspot.com/

Postar um comentário